Andropausa é um processo lento caracterizado pela redução gradual e progressiva das taxas de testosterona no organismo masculino. Entre as queixas mais comumente apresentadas pelos homens estão o cansaço, a falta de vitalidade, a falta de libido, irritabilidade, fadiga intensa, alterações no sono, perda de massa muscular, perda de força e aumento da gordura corporal. É como se a vida estivesse perdendo o sentido.

Com a redução nas taxas hormonais ocorre um aumento do risco de doenças cardiovasculares, diabetes, Alzheimer e obesidade.

Essa situação é muito mais comum do que parece. Os níveis de testosterona começam a declinar depois dos 35 anos, podendo chegar a uma queda de até 2% ao ano.

Esta condição clínica já possui tratamento seguro e eficaz graças aos avanços científicos e tecnológicos dos tempos modernos.

Anos se passaram e muitas pesquisas foram desenvolvidas nessa área, de forma que, nos tempos atuais, é possível corrigir essa queda hormonal de forma segura e eficaz.

A utilização da testosterona nanoestruturada por via transdérmica garante uma reposição fisiológica, respeitando a produção corporal diária e garantindo diversos benefícios físicos e emocionais.

Os homens precisam saber que a andropausa existe. Ela é uma condição médica que precisa ser diagnosticada, tratada e muito bem acompanhada por especialistas.